Documentos para TRANSFERÊNCIA de automóveis

Se estiver tudo certo no Detran, no momento da aquisição, você necessitará solicitar os originais e as fotocópias do recibo que comprovam o pagamento do IPVA, do ano corrente e dos dois anos anteriores. Precisará também da comprovação de que o seguro obrigatório está pago, mais o CRLV (Certificado de Registro de Licenciamento de Veículos) e o recibo da transferência, preenchido com firma reconhecida e com data. Se a sua opção foi por um carro importado, solicite também a quarta via da guia de importação.

 

Após a venda - Você terá trinta dias para transferir o veículo para o seu nome. Um despachante ou o próprio comprador poderão fazer esse serviço.

 

Cópias da identidade, do CPF e do seu comprovante de residência serão exigidos no ato da transferência, além dos documentos utilizados na compra de carro usado. Se o automóvel for de outra cidade ou até mesmo de outro estado, vão ser necessários, além de todos os documentos citados anteriormente, a certidão negativa de furto ou de roubo, o prontuário do automóvel, a certidão negativa de multa do município de origem do carro e a vistoria do Detran.

Todos esses documentos são disponibilizados no Detran da sua cidade e em alguns estados já existe a opção de consegui-los via internet. Também será necessário que se retire um decalque do chassi.

logo horizontal color